Pescador posta fotos com peixes fora da medida em rede social e é preso

Um pescador flagrado com peixes fora da medida prevista em lei e foi preso na terça-feira (6) em Cáceres, a 220 km de Cuiabá, depois de postar fotos com o pescado numa rede social, de acordo com a polícia.

Pescador postou foto com peixes fora da medida (Foto: Polícia Civil-MT/ Divulgação)
A prisão foi feita por agentes da Delegacia Especial de Fronteira e do Juizado Volante Ambiental.

Ao chegar em casa depois de uma pescaria, o suspeito fez fotos do pescado e compartilhou em redes sociais. Em pouco tempo, as postagens realizadas pelo pescador viralizaram, chegando rapidamente ao conhecimento das autoridades ambientais.

A as fotos mostravam peixes abatidos no chão da casa, possibilitando a identificação do autor do crime ambiental.

Fotos com peixes chegaram ao conhecimento da polícia (Foto: Polícia Civil-MT/ Divulgação)
Um mandado de busca e apreensão foi expedido pela 5ª Vara Criminal de Cáceres, que foi cumprido pela polícia. Na casa dele, os policiais encontraram um freezer com vários peixes.

O pescado foi submetido à perícia técnica, sendo constatado cinco exemplares fora da medida prevista em lei. Constatada a irregularidade do pescado, o suspeito foi conduzido à Defron, onde após interrogado foi autuado em flagrante pelo crime ambiental de pesca ilegal.

A Polícia Ambiental de Cáceres, que acompanhava a diligência, multou o pescador em R$ 2 mil e mais R$ 20 reais por cada pescado irregular.

Apesar de o período da piracema - de reprodução dos peixes - ter terminando, ainda existem restrições em relação à pesca, como o tamanho de peixes, por exemplo.

Fonte: G1 MT
Tecnologia do Blogger.