Prefeitura de Guarantã do Norte decreta situação de emergência após prejuízos causadas por chuvas

Situação foi decretada após visita da Defesa Civil (Foto: Defesa Civil/Divulgação)
A Prefeitura de Guarantã do Norte, distante 595 km de Cuiabá, decretou situação de emergência no município, nesta quinta-feira (22), após prejuízos causados por chuvas fortes. Segundo a administração municipal, o acúmulo de água dos últimos 20 dias resultou em estragos como transbordamento de um córrego e alagamentos em diversos bairros.

Com o decreto, que é assinado pelo prefeito Érico tevan Gonçalves (PRB), a prefeitura fica autorizada a convocar voluntários para ações e comprar bens ou contratar serviços sem licitação.

Água da chuva invadiu residências e comércios, segundo a prefeitura (Foto: Defesa Civil/Divulgação)
A situação de emergência tem prazo de 90 dias, conforme o decreto.

Por causa das chuvas, famílias tiveram as moradias inundadas e comércios localizados às margens da BR-163 também foram afetados.

Segundo a prefeitura, em cinco horas, choveu 130 milímetros na cidade (Foto: Defesa Civil/Divulgação)
Segundo o secretário de Infraestrutura do município, Claudiomar Palochi, na quarta-feira (21), em apenas cinco horas, choveu 130 milímetros no município.

"As chuvas têm sido constantes há pouco mais de 20 dias e já haviam causado alguns prejuízos, como a queda de pontes, mas, nessa madrugada, comprometeu bastante alguns bairros e a situação se agravou", afirmou ao G1.

Comércios e casas chegaram a ficar submersas em alguns pontos da cidade
(Foto: Secretaria de Infraestrutura de Guarantã do Norte)
Fonte: G1 MT

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.