Presidente da ALMT confirma saída de partido e anuncia filiação ao DEM

O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), Eduardo Botelho (PSB), afirmou nesta segunda-feira (5) que deverá se filiar ao partido Democratas (DEM).

Deputado Eduardo Botelho (PSB) disse que deverá se filiar ao partido Democratas
 (Foto: Maurício Barbant/ALMT)
Em entrevista à Centro América FM, o deputado afirmou que, assim como ele, o deputado estadual Adriano Aparecido e os deputados federais Fábio Garcia e Adilton Sachetti irão se desfiliar do PSB e seguir para o DEM.

"Vamos nos filiar ao Democratas. Isso está praticamente definido", disse.

Em dezembro passado, Botelho teve o pedido de desfiliação partidária negado pelo juiz membro do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT), José Antônio Bezerra Filho.

Naquela ocasião, o deputado afirmou que decidiu deixar o PSB após ser retirado da direção do partido em Mato Grosso, que passou a ter como presidente o deputado federal Valtenir Pereira.

O parlamentar alega que participou da criação e do fortalecimento da legenda no estado, mas que foi "retirado arbitrariamente" do diretório.

Segundo o TRE-MT, no dia 7 de abril expira o prazo para os políticos que pretendem disputar a eleição deste ano apresentarem a filiação homologada.

Fonte: G1 MT
Tecnologia do Blogger.