Queda de pontes e erosões deixam estradas intransitáveis em Peixoto de Azevedo

O prefeito de Peixoto de Azevedo, a 692 km de Cuiabá, Maurício Ferreira de Souza (PSDB), decretou situação de emergência no município por causa dos danos causados pelas intensas chuvas registradas nos últimos dias. O decreto foi assinado no dia 23 deste mês.

Erosões em estradas vicinais prejudicam o acesso a comunidades rurais
(Foto: Prefeitura de Peixoto de Azevedo-MT/ Assessoria)
Houve a queda de pelo menos 25 pontes nos últimos dias.

Conforme a prefeitura, algumas estradas vicinais estão interditadas por causa de erosões e quedas de pontes. Com isso, moradores de comunidades rurais estão isolados.

"As intensas chuvas que assolam a região, que estão interrompendo e destruindo o tráfego nas vias vicinais com o desmantelamento das estradas rurais, pontes e bueiros, prejudicando o acesso da população rural a sede do município", diz trecho do decreto.

No entanto, apesar dos danos, as comunidades não estão isoladas, pois existem desvios alternativos, de acordo com a prefeitura. Algumas estradas estão em obras.

Situação de estradas é precária (Foto: Prefeitura de Peixoto de Azevedo-MT/ Assessoria)
Imagem aérea mostra alagamentos na região urbana (Foto: Prefeitura de Peixoto de Azevedo-MT/ Assessoria)
Estradas estão em obras de recuperação (Foto: Prefeitura de Peixoto de Azevedo-MT/ Assessoria)
Tecnologia do Blogger.