Sistema penitenciário de MT fica 1 dia sem escolta de presos por falta de combustível

Sistema penitenciária ficou um dia sem escolta por falta de combustível.
Foto: Sejudh-MT/Divulgação
O sistema penitenciário de Mato Grosso deixou de realizar a escolta de presos por falta de combustível nos veículos que realizam o transporte, na terça-feira (5). Segundo a Secretaria Estadual de Justiça e Direitos e Humanos (Sejudh-MT), o problema foi solucionado nesta quarta-feira (6) e o abastecimento das viaturas foi retomado.

Por causa do problema, todas as unidades prisionais haviam sido orientadas a não fazer escoltas e informar os respectivos juízes da situação.

Na terça-feira, a Sejudh havia informado que aguardava o repasse do tesouro estadual para regularizar o pagamento da empresa que fornece combustível ao estado.

Dos valores atrasados, uma parcela foi paga na semana passada, e outras duas foram regularizadas na terça-feira. Os repasses somam R$ 780 mil. Ao todo, são 240 viaturas no sistema penitenciário.

Em janeiro, mais de 25% dos veículos utilizados pelos órgãos de segurança pública ficaram parados por por falta dos pagamentos às locadoras, segundo a União dos Conselhos de Segurança do estado.

Os veículos foram recolhidos e levados para um pátio que fica na Rodovia dos Imigrantes, entre Cuiabá e Várzea Grande, região metropolitana.

FONTE: G1 MT
Tecnologia do Blogger.