Deputados de MT podem ter verba indenizatória cortada pela metade

A Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentaria (CFAEO) da Assembleia Legislativa deu parecer favorável ao Projeto de Lei 72/2019, que reduz pela metade o valor de verba indenizatória dos deputados estaduais e reduz em 2/3 a verba disponibilizada para outros cargos do Legislativo.

Atualmente cada um dos 25 deputados recebe R$ 65 mil de VI, além do salário de R$ 25, 3 mil.

O autor da proposta, deputado Ulysses Moraes (DC) explicou que a medida visa reduzir o valor e também que os deputados prestem conta dos gastos mensais com a verba.

"Acredito que, como é dinheiro público, creio que a sociedade tem o direito de saber onde está sendo aplicado o dinheiro dos pagadores de impostos”, ressaltou o parlamentar.

O projeto agora segue para votação em plenário da Casa.

Também participaram da reunião da CFAEO, os deputados Valmir Moretto (PRB), Nininho (PSD), Silvio Fávero (PSL) e Romoaldo Júnior (MDB), presidente da comissão.  A comissão se reúne novamente no próximo dia 22 e também realiza no dia 21 audiência pública para apresentação das metas fiscais da Secretaria Estadual de Fazenda.

FONTE: MÁRCIO CAMILO / REPÓRTER MT
Tecnologia do Blogger.