Funcionários do transporte coletivo alegam atraso salarial e fazem paralisação em Cuiabá

Foto: TV Centro América
Funcionários do transporte coletivo de Cuiabá e Várzea Grande, na região metropolitana da capital, fazem uma paralisação desde a madrugada desta segunda-feira (10). Eles alegam que estão com problemas no pagamento de salários e decidiram não trabalhar.

O sindicato dos funcionários do transporte público de Cuiabá dizem que o problema se arrasta há seis meses. Os trabalhadores e as empresas fizeram um acordo coletivo que previa o pagamento do salário no quinto dia útil de cada mês, o que não aconteceria de fato.

Os funcionários alegam que recebem o salário somente a partir do dia 19 e 20 de cada mês.

Os pontos de ônibus e estações amanheceram vazios na capital e em Várzea Grande.

Os trabalhadores prometem ficar com os braços cruzados até que os representantes das empresas deem um posicionamento sobre a situação.

A paralisação afeta 270 mil usuários e atinge 100% do transporte público da Grande Cuiabá.

FONTE: G1 MT
Tecnologia do Blogger.