REPRODUÇÃO
Adão Arruda Santana da Costa, 33 anos, foi preso pela Polícia Militar, na tarde de terça-feira (09), pelo assassinato de Odan Estevão de Arruda, no Distrito de Bom Jardim, em Nobres (a 122 km de Cuiabá).

O crime aconteceu em abril de 2013, mas o assassino teve mandado de prisão decretado só em fevereiro deste ano. Conforme apurado pelo RepórterMT, Adão matou o amigo durante bebedeira, após discussão por ter derrubado um copo de pinga que a vítima havia comprado.

Adão foi preso ao ser abordado por uma equipe da PM que fazia rondas na Vila Bom Jardim. Os militares verificaram o mandado de prisão em aberto e fizeram a detenção dele.

O assassinato, na época, foi cometido com um tiro de espingarda e por motivo fútil. Os dois estavam bebendo pinga por volta da 1h do dia 02 de abril de 2013, quando passaram a discutir pelo fato de Adão ter derrubado um copo de pinga.

Odan teria ficado bravo com o ‘amigo’, afirmando que ele estava desperdiçando a bebida que ele havia comprado.

Adão foi até a casa de um irmão após a discussão, pegou uma espingarda e retornou para a casa de Odan e o matou.

A demora em decretar a prisão do assassino é justificada no processo com a grande demanda de ações existentes na comarca de Nobres.

Após a prisão, Adão foi encaminhado para uma unidade prisional e passa a responder ao crime de homicídio.

FONTE: REPÓRTER MT
Postagem Anterior Próxima Postagem