Terceiro suspeito de participar de latrocínio de assistente social é preso

Foto: Reprodução/TVCA
Maikon Douglas Alves dos Santos se entregou na manhã desta quarta-feira (10), na Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande (DERFVA), região metropolitana de Cuiabá. Ele é suspeito de participação na morte da servidora pública da prefeitura da cidade, Sandra Regina de Siqueira Travaina, de 48 anos.

Ele era procurado pela polícia e chegou à delegacia acompanhado de um advogado. Maikon, Jordão, preso na terça-feira (9) e André, preso no dia 7 deste mês, devem ser indiciados por latrocínio consumado e associação criminosa.

De acordo com a polícia, os três são suspeitos de matar a assistente social, durante uma tentativa de assalto à casa dela, no dia 2 de julho.

Foto: Facebook/Reprodução
Em depoimento, André Luiz Gomes, 20 anos, disse que eles atiraram contra a servidora pública porque ela buzinou o carro durante o anúncio do assalto.

Sandra foi abordada pelos criminosos quando chegava em casa, no Bairro Várzea Grande. Ela estava com a filha, de 16 anos, e a irmã dela.

As testemunhas disseram à polícia que, quando percebeu o assalto, Sandra buzinou para chamar a atenção do marido que estava dentro da residência.

Foto: Arquivo pessoal
Em depoimento, os suspeitos disseram que tinham informações de que a servidora tinha dinheiro e joias em casa. Segundo da delegada Elaine Fernandes, essas informações teriam sido repassadas por uma pessoa muito próximo à família.

Essa pessoa está sendo investigada e caso a suspeita seja confirmada, também será detida por participação no crime.

"Uma pessoa que concorre para o crime é tão criminoso quando quem pratica, logo, se essa suspeita for confirmada, essa pessoa será detida", afirmou a delegada.

FONTE: G1 MT
Tecnologia do Blogger.