Foto: IFMT - Campus Cáceres
Cerca de 30 mulheres assentadas e acampadas de Cáceres e Mirassol D' Oeste, a 220 e 329 km de Cuiabá, respectivamente, participaram de um curso de capacitação e criaram duas cervejas artesanais intituladas Cabocla Serrana e Crioula. O curso foi ofertado pelo programa de extensão Tereza de Benguela do Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT), Campus de Cáceres.

O curso, voltado para mulheres em situação de vulnerabilidade social, tem o propósito qualificar e aprimorar saberes no ramo das cervejarias com formação para cidadania e geração de renda.

Atualmente, as mulheres estão aprendendo a sobre divulgação e exposição do produto. Por isso, estão participando de vários eventos públicos e privados, como feiras, festivais e exposições.

Além das aulas práticas, as alunas participam de ciclos de debate e troca de experiências sobre empreendedorismo e economia solidária, bem como formas de comercialização da cerveja.

FONTE: G1 MT
Postagem Anterior Próxima Postagem