Foto: Assessoria
O Plenário do Senado aprovou o empréstimo que o governo de Mato Grosso pretende fazer junto ao Banco Mundial, no valor de US$ 250 milhões.

A Comissão de Assuntos Econômicos do Senado havia dado parecer favorável ao empréstimo nesta quarta-feira e o projeto seguiu para o Plenário. O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, realizou a votação em regime de urgência, já que na próxima semana o estado deve honrar com o pagamento de uma das parcelas do empréstimo, junto ao Bank of América, no valor de R$ 154 milhões. Caso o empréstimo não fosse autorizado, o desembolso desse valor poderia prejudicar no pagamento de fornecedores, prefeituras e servidores.

Na terça-feira (03), o governador Mauro Mendes (DEM) se reuniu com Alcolumbre, acompanhado do senador Jayme Campos (DEM), para apresentar os motivos pelos quais havia a necessidade de dar celeridade em todo o processo. Para que fosse possível, o presidente cancelou uma sessão e, a pedido de Jayme Campos, colocou o caso para tramitar em regime de urgência.

“Vamos utilizar todo o empréstimo que será firmado com o Banco Mundial para quitar o outro empréstimo com o Bank of América. O estado vai ganhar, pois as parcelas serão condizentes com o nosso fluxo de caixa. Além disso, os juros contratados serão menores do que o empréstimo atual e o pagamento será em prazo maior”, explicou.

Agora, será a vez da procuradora-geral da Fazenda Nacional assinar o contrato. No caso desse empréstimo, o avalista do estado é o governo federal.

FONTE: G1 MT
Postagem Anterior Próxima Postagem