Cabeça d'água assusta turistas na cachoeira Serra Azul em Rosário Oeste

REPRODUÇÃO
Os turistas levaram um susto no final da tarde dessa quarta-feira (8), na cachoeira do Parque Serra Azul em Rosário Oeste/MT, com o fenômeno conhecido como cabeça d'água. O grupo tomava banho quando o nível da água subiu rapidamente. Lucas Orione que estava no local gravou um vídeo que mostra o momento (veja vídeo abaixo).


O volume da água aumentou rapidamente. Recentemente, três pessoas morreram em Minas Gerais em decorrência desse fenômeno.

Tromba d'água e cabeça d'água são fenômenos naturais diferentes e têm riscos; entenda

Nesse caso ocorrido em Mato Grosso o guia de turismo que acompanhava o grupo notou o início da agitação da água e apitou três vezes como alerta para que todos saíssem rápido do rio. Logo depois veio a tromba d´água e todos já estavam fora da água.

Em nota, o Sesc Pantanal que administra o parque informou que a equipe que atua no local é treinada e segue os protocolos de segurança estabelecidos para possibilidade de uma cabeça d’água, evento frequente no período das chuvas e que pode acontecer em todas as cachoeiras e rios.

"As pessoas devem seguir sempre as orientações dos guias e monitores e sair da água ao ouvir os avisos sonoros", diz trecho da nota.

O que é cabeça d'água

A cabeça d'água é um fenômeno que se caracteriza pelo aumento rápido e repentino do nível de um rio, lago ou cachoeira devido a chuvas em trechos anteriores ou mais altos do percurso.

A cabeça d'água é diferente de uma tromba d'água, que se assemelha a um tornado, mas tem menor intensidade e ocorre sobre superfícies líquidas, como mar ou rio.

FONTE: G1 MT