Ministro da Saúde diz que achou que coronavírus não chegaria em MT por causa do calor

Luiz Henrique Mandetta, ministro da Saúde — Foto: WAGNER PIRES/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
Em tom de brincadeira, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou em coletiva de imprensa nesta quarta-feira (25) que achou que o coronavírus não chegaria a Mato Grosso por causa do calor, normalmente superior a 35ªC.

“Nas minhas orações estou sempre esperando uma vacina. Eu fico sempre cuidando muito e prensando, se esse vírus não gostar de sol não vai ter casos em Cuiabá. Como Mato Grosso demorou um tempão, eu fiquei achando que era o calor de Cuiabá, a minha eterna capital, quase que eu fui pra Cuiabá para ficar lá com meus amigos cuiabanos, mas infelizmente o calor de Cuiabá está ali e o vírus também está ali. Já tivemos casos confirmados em Cuiabá”, disse o ministro.

Até esta quarta-feira, Mato Grosso já registrava nove casos confirmados de Covid-19, sendo seis em Cuiabá, dois em Várzea Grande, região metropolitana da capital, e um em Nova Monte Verde.

A faixa etária dos pacientes que testaram positivo para o coronavírus varia entre 31 e 50 anos. Em MT, conforme o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, a transmissão já é considerada comunitária, quando não se tem a origem do foco.

Outros 326 casos são investigados pela secretaria por serem suspeitos do Covid-19.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) reforça que atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção por Covid-19. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus.

Os casos suspeitos estão nos municípios de:

Água Boa (2)
Alta Floresta (6)
Apiacás (3)
Araputanga (2)
Aripuanã (4)
Barão de Melgaço (1)
Barra do Bugres (5)
Barra do Garças (8)
Bom Jesus do Araguaia (1)
Brasnorte (6)
Cáceres (2)
Campo Novo do Parecis (11)
Campo Verde (21)
Campos de Júlio (1)
Castanheira (3)
Chapada dos Guimarães (2)
Colíder (1)
Comodoro (3)
Confresa (2)
Conquista D'Oeste (1)
Cotriguaçu (1)
Cuiabá (47)
Guarantã do Norte (4)
Guiratinga (1)
Ipiranga do Norte (1)
Juína (2)
Juruena (1)
Lucas do Rio Verde (7)
Vila Bela da Santíssima Trindade (4)
Matupá (3)
Nossa Senhora do Livramento (3)
Nova Mutum (2)
Nova Olímpia (1)
Nova Xavantina (1)
Novo Mundo (1)
Paranaíta (2)
Paranatinga (6)
Pedra Preta (2)
Poconé (1)
Pontes e Lacerda (7)
Porto Alegre do Norte (1)
Porto Estrela (1)
Poxoréu (1)
Primavera do Leste (6)
Querência ()
São José do Rio Claro (5)
Rondonópolis (28)
Rosário Oeste (3)
Santa Rita do Trivelato (1)
Santo Antônio do Leverger (1)
Sapezal (4)
Sinop (29)
Sorriso (9)
Tabaporã (2)
Tangará da Serra (17)
Terra Nova do Norte (1)
União do Sul (1)
Várzea Grande (31)
Vila Rica (1)
Nova Monte Verde (1)

Ações diárias para ajudar a prevenir a propagação de vírus respiratórios:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão
  • Usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes. Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência. Esses são hábitos diários que podem ajudar a impedir a propagação de vários vírus, inclusive o novo coronavírus.

FONTE: G1 MT