Vigilante chega com falta de ar na Policlínica do Coxipó e morre minutos depois

REPRODUÇÃO
Uma vigilante, de 54 anos, morreu na Policlínica do Coxipó, em Cuiabá, com suspeita de coronavírus (COVID-19).  A vítima estava com insuficiência respiratória e a morte aconteceu no final da noite de quinta-feira (26).

Conforme apurado pelo RepórterMT, a mulher já estava tratando do problema respiratório há aproximadamente 15 dias. Ela era medicada com antibióticos e mandada de volta para casa.

Na quinta-feira (26), porém, ela voltou novamente com os sintomas agravados. A equipe médica chegou a usar “adrenalina” por cerca de 40 minutos na vítima, mas ela não resistiu e morreu.

Foi coletado material do corpo da vítima para análise laboratorial.

Em Mato Grosso é confirmado 11 casos de coronavírus e 385 suspeitos.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) disse que a Vigilância Epidemiológica de Cuiabá acompanha o caso.

Leia na íntegra

NOTA À IMPRENSA

Sobre a morte por suposta suspeita de coronavírus ocorrida na Policlínica do Coxipó a Secretaria de Saúde informa que:

- A paciente, 54 anos já chegou na unidade com sintomas sugestivos e em estado agravado. A equipe realizou os atendimentos necessários, colheu o exame para Covid-19, mas infelizmente pouco tempo depois a paciente veio à óbito.

A vigilância Epidemiológica de Cuiabá está à frente do caso e aguarda os resultados do exame que deve levar três dias.

FONTE: RAUL BRADOCK
DO REPÓRTER MT