‘Desafio da Farinha’ pode asfixiar e causar problemas ao pulmão; veja o vídeo

RepórterMT/Reprodução
O “desafio da farinha”, brincadeira que viralizou nas redes sociais, pode causar asfixia e problemas no pulmão. A pneumologista Keyla Maia, em entrevista ao RepórterMT, alertou para os riscos que a brincadeira pode gerar à saúde das pessoas.

No desafio, perguntas comparativas são feitas e, a pessoa que se enquadra no requisito, tem o rosto mergulhado na farinha de trigo, fubá ou até amido de milho. A ‘brincadeira’ viralizou neste momento que as famílias precisaram ficar em casa para evitar o contágio do novo coronavírus (Covid-19).

“É um processo que agudamente pode levar à asfixia e crise de asma. É uma situação em que as pessoas estão rindo e muitas vezes não têm controle. Cronicamente, a pessoa ficar repetindo esse tipo de inalação, ela vai desenvolver problemas alérgicos crônicos e também pode desenvolver depósito pulmonar dessas substâncias levando à fibrose pulmonar”, disse a doutora Keyla, em entrevista ao .

Pneumologista Keyla Maia alerta para o risco da brincadeira. FOTO: RepórterMT/Reprodução
Segundo a médica, a respiração de partículas podem causar lesões no sistema respiratório. Ela comparou a situação com a de pessoas que trabalham com artesanato e respiram constantemente as partículas que soltam de barbantes e até mesmo idosos que têm o costume de usar talco.

“O aparelho respiratório é uma grande rede de troca de ar, que põe oxigênio para dentro e gás carbônico para fora. Qualquer partícula que seja fina o suficiente para adentrar o aparelho respiratório, pode lesionar”, disse.

O governador do Estado de Mato Grosso,  Mauro Mendes (DEM), fez a brincadeira com os filhos, por exemplo.

O vídeo da brincadeira foi compartilhada nas redes sociais da primeira dama, Virgínia Mendes.

Veja o vídeo


Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Virginia Mendes (@virginiamendes1) em


FONTE: RAUL BRADOCK
DO REPÓRTER MT