Irmãs de 20 e 7 anos morrem após Celta bater de frente com carreta na BR-163; carro fica destruído

REPRODUÇÃO
Uma violenta batida de frente entre um Chevrolet Celta e uma carreta Volvo matou a jovem Gabrieli Sanches, 20 anos, que conduzia o carro de passeio, e sua irmãzinha de apenas 7 anos, passageira do veículo, no início da tarde desta quarta-feira (29) no km 1060 da BR-163, em Matupá (695 km da Capital).

Uma equipe de resgate do Corpo de Bombeiros foi acionada para desencarcerar os corpos presos às ferragens e prestar socorro ao motorista da carreta, que não teve ferimentos graves.

De acordo com informações preliminares, o Celta trafegava sentido Matupá e a carreta no sentido contrário, seguindo para o município de Miritituba, estado do Pará, quando Gabrieli teria perdido o controle da direção, invadido a contramão causando o acidente.

Não há informações sobre o que teria feito a jovem perder o controle do carro.

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) compareceu ao local, analisou as condições em que os corpos foram encontrados e periciou a região colhendo informações que ajudem a comprovar as circunstâncias do acidente.

Em seguida, os cadáveres foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) para exame de necropsia, que vai identificar a causa clínica da morte, antes que os corpos sejam liberados aos procedimentos fúnebres junto à família.

A Polícia Civil acompanhou todo o trabalho da perícia, conversou com o motorista do caminhão, com testemunhas e aguarda o laudo da Politec, que dará base às investigações, para a conclusão do caso.






Gabrieli Sanches dirigia o carro que bateu de frente com uma carreta no km 1060 da BR-163. — Foto: Arquivo Pessoal

FONTE: REPÓRTER MT