Justiça prorroga fechamento de fóruns e comarcas em MT até o dia 31

Foto: Tribunal de Justiça de Mato Grosso/Assessoria
O Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) prorrogou, na sexta-feira (8), o prazo de fechamento do Palácio da Justiça, dos fóruns e dependências do serviço judicial, para o dia 31 de maio. Os prazos processuais de processo físicos e administrativos e o regime de teletrabalho, em decorrência das medidas temporárias de prevenção ao contágio pela Covid-19, também vão até esta data.

As atividades presenciais do Poder Judiciário foram suspensas no dia 20 de março. Apenas medidas urgentes e processos de adolescentes em conflito com a lei com internação provisória decretada devem ser cumpridas. Essa é a segunda prorrogação do prazo de suspensão dos trabalhos. A primeira foi no dia 7 de abril.

O decreto prorroga o regime obrigatório de teletrabalho aos magistrados, servidores e colaboradores.

Caso as atividades do servidor não comportem o teletrabalho, haverá dispensa da prestação de serviços, com posterior compensação pela área responsável pelo servidor e ou colaborador, salvo nas hipóteses de serviços essenciais que demandem o comparecimento pessoal, desde que previamente comunicadas e autorizadas pelo presidente do Tribunal de Justiça.

As sentenças, despachos e decisões devem continuar ser feitas para o cumprimento das metas estabelecidas pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O período não será considerado plantão judiciário forense.

Algumas sessões e audiências estão sendo realizadas através de videoconferência.

A partir do dia 1º de junho, as atividades do Poder Judiciário de Mato Grosso serão regulamentadas por meio de ato normativo próprio a ser editado.

FONTE: G1 MT

0/Faça seu comentário