Servidores são flagrados fazendo ‘churrasco’ em Secretaria de Educação; veja fotos e vídeo

REPRODUÇÃO
Servidores da Prefeitura de Sinop (500 km da Capital) foram flagrados promovendo uma ‘social’, com direito a bife acebolado na chapa, na sede da Secretaria Municipal de Educação do município após o expediente, na última quinta-feira (07).

Imagens dos servidores durante o evento circulam pela internet, onde é possível acompanhar que além de promover a confraternização, os oito participantes estavam sem máscaras, ou com a proteção no queixo e sem respeitar as normas de distanciamento para a prevenção de contágio do novo coronavírus.

A denúncia foi feita pelos vereadores Lindomar Guida (REP) e Remídio Kuntz (PR) que informaram sobre ‘ o desrespeito aos protocolos de saúde e prevenção em época de coronavírus’, quando o servidores foram flagrados em situação de aglomeração e sem o uso de máscara.

A Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Cultura, Veridiana Paganotti, reconheceu o fato e explicou que por meio de câmeras de segurança interna já identificou os oito envolvidos, sendo seis concursados e dois contratados.

Segundo nota da prefeitura, um Processo Administrativo Disciplinar (PAD) será instaurado para apurar a conduta dos servidores, o que poderá resultar em penalidades ao grupo.

Quanto aos dois servidores contratados, a empresa terceirizada responsável foi advertida sobre a conduta dos funcionários.

A secretaria ressalta ainda que “considera o fato como isolado e reitera as orientações de cuidados para prevenção de contaminação do novo coronavírus em época de pandemia”.

Veja nota na íntegra

“A Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Cultura recebeu dos vereadores Lindomar Guida e Remídio Kuntz denúncia de desrespeito aos protocolos de saúde e prevenção em época de Coronavírus. O fato foi registrado na garagem do departamento de Transporte Escolar, na quinta-feira, 07 de maio. Após ser informada, a S.M.E.E.C confirmou a procedência do ocorrido, mediante averiguação do sistema interno de câmeras de monitoramento. Na cena, 08 servidores, dos quais 6 concursados e 02 contratados, aparecem sem uso de máscara, não respeitando as normas de distanciamento, enquanto participavam de uma confraternização após o horário de expediente nas dependências. A Secretaria instaurou processo administrativo para apurar o fato e que pode resultar em penalidades ao grupo de profissionais concursados. Já quanto aos demais, a empresa terceirizada  foi advertida quanto ao ocorrido.  A Secretaria considera o fato como isolado e reitera as orientações e cuidados para a prevenção do novo coronavírus, em época de pandemia. Além disso, reforça a plena transparência quanto ao caso, seu acompanhamento e as devidas medidas que deverão ser tomadas”.







FONTE: REPÓRTER MT

0/Faça seu comentário