12 profecias sobre o fim do mundo que fracassaram

REPRODUÇÃO
As teorias sobre o fim do mundo se espalham por séculos, algumas delas causaram grande terror entre as pessoas, outras geraram expectativas e muita polêmica.

A Bíblia não aponta uma data para o fim do mundo, mas Jesus disse aos seus discípulos (Mateus 24) que alguns sinais indicariam o final dos tempos como o surgimento dos falsos cristos, guerras, fome, pestes, terremotos, perseguição aos cristãos, falsos profetas, apostasia e aumento da iniquidade.

Neste mesmo capítulo, Cristo afirma que o fim virá apenas quando Evangelho for pregado a todo mundo, em testemunho a todas as nações. Mas sobre a data, ele diz:


“Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, mas unicamente meu Pai” (Mateus 24:36)

Ainda assim, muitos líderes religiosos, astrólogos e adivinhos tentaram datar o dia que o mundo acabaria e falharam em suas previsões.

A seguir você conhecerá algumas teorias sobre o fim do mundo mais famosas:

Março de 1843/1844

Em 1840 o pregador William Miller (EUA) tentou decifrar o livro de Daniel e chegou à conclusão de que o mundo acabaria entre 21 de março de 1843 e 21 de março de 1844.


A previsão dizia que o mundo terminaria em um grande incêndio que destruiria toda a Terra.

Volta de Cristo em 1891

Outro líder religioso que tentou prever o final dos tempos foi Joseph Smith, o primeiro presidente da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.


Em 1835 ele declarou que o Jesus retornaria a Terra dentro de 56 anos, ou seja, em 1891.

Cometa Halley

Em 1910 a passagem do Cometa Halley também gerou teorias de que o cometa se chocaria com a Terra, ocasionando o apocalipse.


Outras pessoas diziam que o cometa liberaria um gás mortal que acabaria com a vida humana.

Arrebatamento em 1994

O pastor americano Harold Camping previu que os escolhidos seriam arrebatados em 6 de setembro de 1994.


Sua teoria foi baseada em cálculos e tentativas de decifrar o livro de Daniel e outras passagens bíblicas sobre a Volta de Cristo.

Nostradamus e o ano 2000

O vidente Nostradamus (1503-1566) teve suas profecias interpretadas e muitos diziam que elas significavam o surgimento de uma Terceira Guerra Mundial e que o fim do mundo seria entre os anos de 1999 e 2000.


Somado a isso estava o chamado “Bug do Milênio”, com computadores que poderiam não reconhecer o novo ano gerando um verdadeiro caos em todo o mundo.

Harold Camping profetiza novamente

Depois de falhar na profecia sobre o arrebatamento em 1994, Harold Camping refez suas contas e declarou que o mundo acabaria em 21 de maio de 2011.


Quando a data chegou e nada aconteceu, ele declarou que a data correta seria 21 de outubro daquele mesmo ano. Após errar mais uma vez, ele adoeceu, se desculpou com seus seguidores e faleceu em 2013.

Profecia Maia de 2012

A interpretação do “Calendário Maia” apontava que a humanidade seria findada em 21 de dezembro de 2012.


Muitos antropólogos tentaram alertar que a profecia não falava sobre o fim do mundo, mesmo assim a teoria se espalhou em todo mundo.

Profecia brasileira de 2013

Como “a profecia Maia” não se cumpriu, o profeta brasileiro Masuteru Hirota, ou “mestre Hirota” para seus seguidores, começou a dizer que a data final seria dia 9 de janeiro.


Uma grande catástrofe teria que ter acontecido naquele dia, mas nada aconteceu.

Mundo acabará em fogo 2015

O pastor Chris McCann, da seita eBible Fellowship da Filadélfia (EUA), espalhou que o mundo acabaria em fogo em 7 de outubro de 2015. Ele chegou a declarar aos jornais locais que, de acordo com 2 Pedro 3, Deus destruiria a Terra com fogo.


Primeiramente a profecia datava o fim do mundo para 21 de maio de 2011, mesma data de Harold Camping, mas depois o líder teria afirmado que Deus decidiu esperar mais 1.600 dias para decidir quem seria salvo, datando assim para outubro de 2015.

Nibiru de 2017

Em 2017 três interpretações astrológicas apontavam para que o mundo acabaria em 23 de setembro. A primeira falava sobre os alinhamentos das estrelas, uma mistura de astrologia e interpretações bíblicas.


A segunda usava uma teoria de que um planeta chamado Nibiru ou Planeta X, nunca identificados pela NASA, se chocaria com a Terra, causando uma grande destruição. A terceira teoria usava as festas judaicas e os fenômenos naturais chamados de “Luas de Sangue”.

2018 e as estrelas

Para 23 de abril de 2018 uma alinhamento das estrelas fizeram que uma nova teoria sobre o fim do mundo fosse levantada.


Dessa vez, a ligação das estrelas foi feita com versículos bíblicos de Apocalipse, uma mistura de astrologia e interpretações que já havia falhado no ano anterior.

Data Limite 2019

No começo de 2019 as diversas catástrofes que atingiram o país e a morte de grandes personalidades levantaram uma hipótese de que o médium Chico Xavier teria previsto uma data limite para o dia 20 de julho de 2019.


Acontece que estudiosos do espiritismo dizem que o médium jamais profetizou sobre o fim do mundo, mas deixou revelações escritas em 1986 sobre o que aconteceria num prazo de 50 anos como guerras, desastres naturais, paz mundial e viver entre extraterrestres.

FONTE: GOSPEL PRIME

0/Faça seu comentário