Cuiabá abre mais 20 leitos de UTIs para desafogar fila de covid-19

Divulgação
Cuiabá conta com 20 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no hospital de referência para covid-19, Pronto-Socorro de Cuiabá, a partir desta segunda-feira (13). O anúncio foi feito pelo prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) em transmissão nesta manhã. A cidade tem 95 leitos para os pacientes com o novo coronavírus, porém, estão todos ocupados.

“Há dezenas de pessoas na fila por atendimento que já serão transferidas. Sei que logo vai encher, mas esperamos que seja por pouco tempo e que as pessoas tenham alta logo”, relatou o prefeito.

Segundo Emanuel Pinheiro, agora o Pronto Socorro tem 75 UTIs para covid e o Hospital Municipal São Benedito conta com 40 vagas.

Conforme explicou o gestor, há investimentos parta leitos de estabilização em unidades de saúde da cidade para receber pacientes contaminados pelo novo coronavírus. Tais leitos darão suporte no combate a pandemia na medida que evitarão que os doentes precisem de UTI’s, pois não há vagas em todo o estado na rede pública e privada.

Também destacou que além da covid-19, existem as outras enfermidades que precisam da atenção da saúde e que vem trabalhando para também assistir a esses pacientes.

Na live transmitida em rede social, Pinheiro não deixou passar a oportunidade de alfinetar o governo do Estado que, segundo ele, não tem agido de forma adequada para conter o avanço da doença no interior. A falta de atuação tem sobrecarregado a capital que recebe pacientes de todo o estado.

“Apesar de não ter apoio de alguns segmentos, a Prefeitura continua avançando. Se não fosse o trabalho de Cuiabá, teríamos um saldo muito maior de mortes e de casos de covid”, enfatizou.

A live também teve a participação do deputado federal Emanuelzinho Pinheiro (PTB), que falou dos 40 respiradores que encaminhou para Cuiabá. O presidente da Câmara de Cuiabá, Misael Galvão (PTB), também estava na transmissão e destacou os trabalhos desempenhados na Capital.

FONTE: GAZETA DIGITAL