Tatuador é preso por tentar estuprar cliente durante sessão

PMMT
Um tatuador foi preso na madrugada desta quarta-feira (29) em Rondonópolis (212 km ao sul da Capital) após tentar estuprar uma cliente durante uma sessão de tatuagem. O crime aconteceu no estúdio do profissional, no bairro Coophalis, por volta de 1h50.

Segundo a vítima, ela contratou o tatuador para realizar uma tatuagem na parte de trás da coxa. Ao chegar no estúdio com o namorado, foi informada pelo profissional de que somente ela poderia fica na sala, por causa das medidas de segurança durante a pandemia do novo coronavírus.

Dentro do local de tatuagem, o suspeito pediu que ela tirasse a roupa e depois passou a acaricia-la e chegou a expor o pênis e esfregar nas nádegas da vítima, momento em que ela flagrou a tentativa e saiu da sala.

A mulher e o namorado chamaram a polícia, que realizou um cerco no estabelecimento para localizar o suspeito, que tentou fugir subindo no telhado.

Além da tentativa de estupro, o homem tinha na casa uma jiboia e uma cobra branca americana sem autorização, além de uma espingarda adaptada, munições, balanças de precisão, uma arma tipo besta, flechas e uma machadinha.

Ele foi encaminhado para a 1ª Delegacia e irá responder criminalmente por estupro, porte ilegal de arma, tráfico de drogas e crime contra a fauna.

FONTE: MÍDIA NEWS

0/Faça seu comentário