Vai um azulzinho? Saiba 10 mitos e verdades sobre o Viagra

DIVULGAÇÃO
Até mesmo quem não tem muita vivência sexual já deve ter ouvido falar, pelo menos uma vez, no “azulzinho”. Viagra, como é mais conhecido, é o nome comercial do componente ativo citrato de sildenafila, medicamento usado para tratar a disfunção erétil.

É uma substância importante, já que a condição acomete ao menos um terço da população masculina – seja por motivos orgânicos, como pressão alta e diabetes, ou doenças psíquicas, como depressão e ansiedade.

Contudo muitos homens que não precisam do medicamento acabam tomando para prolongar a ereção e ter um desempenho sexual melhor, o que pode trazer alguns riscos.

Já que se trata de um medicamento envolto em tantos tabus e crenças erradas, a Pouca Vergonha conversou com o urologista e membro titular da Sociedade Brasileira de Urologia Danilo Galante, e lista alguns mitos e verdades sobre o uso:

O Viagra pode causar vício

VERDADE – “O vício que o medicamento traz não é orgânico, mas sim psicológico. Como a substância melhora a ereção, muitos homens passam a achar que não vão ter uma performance tão boa sem ela e se tornam dependentes. O corpo dele não vai precisar do remédio, mas a cabeça vai”.

Melhora a libido

MITO – “Trata-se de um medicamento para potencializar a ereção, aumentando o aporte de sangue na região, e não de um afrodisíaco. A libido, que é a vontade de transar, não é alterada. O máximo que pode acontecer é a pessoa ficar animada por conta da ereção, mas problema de libido é outra coisa”.

Pode misturar com álcool e drogas

MITO – “A associação com outras substâncias pode ser muito perigosa. Alguns tipos de álcool inibem a ação do medicamento, enquanto algumas drogas, principalmente a cocaína, potencializam o efeito e causam uma dilatação grande nas artérias do coração. Isso pode fazer o paciente ter um infarto no meio do ato sexual”.

Só é receitado para pacientes mais velhos

MITO – “Problemas psíquicos que causam disfunção erétil podem acometer homens de qualquer idade. E os problemas físicos, ainda que atinjam mais comumente os pacientes com idade mais avançada, podem acontecer em homens jovens também. Um paciente de 30 anos pode ter diabetes desde os 20, por exemplo”.

Nem todo homem pode tomar

VERDADE – “Há contraindicações aos homens que usam medicações para tratar insuficiência cardíaca, sob o risco de queda severa na pressão arterial e infarto. Aos pacientes com doença da retina, recomenda-se consultar o oftalmologista sobre eventuais riscos. Já aqueles que possuem problemas cardíacos crônicos devem evitar a pílula azul, visto que as relações sexuais são exercícios físicos de alta intensidade. Vale ressaltar ainda que não há contraindicações para hipertensos, pois o citrato de sildenafila tem como um dos efeitos a diminuição da pressão arterial”.

Quanto maior a dose, maior a ereção

MITO – “Não há melhora nesse sentido. A dose máxima é de 100mg. Tomar uma dose maior do que essa só provoca efeitos colaterais, como dores de cabeça e aceleração da frequência cardíaca”.

Pode tomar meia dose só para “fazer uma graça”

MITO – “Nenhuma mudança relevante tende a acontecer na ereção em caso de ingestão de uma dosagem mais baixa”.

Pode causar efeitos colaterais temporários

VERDADE – “Embora não sejam comuns, possíveis sintomas decorrentes do uso podem surgir, como visão turva, ardência dos olhos, dor de cabeça, congestão nasal e tonturas leves. O efeito colateral mais frequente é o rubor facial”.

Pode tomar logo antes do sexo

MITO – “Para que aconteça o efeito desejado, o Viagra deve ser ingerido ao menos uma hora antes da relação, de preferência com o estômago vazio e acompanhado de um copo de água, já que o medicamento é hidrossolúvel”.

Trata também a ejaculação precoce

MITO – “Com o citrato de sildenafila, trata-se apenas a disfunção erétil. A ejaculação precoce trata-se de um problema que exige tratamento específico, normalmente com terapia sexual”.

FONTE: METRÓPOLES

1/Faça seu comentário

  1. Nas últimas décadas os homens, por vários fatores, tem se diminuido sua libido drasticamente ... Dicas para melhorar de forma natural https://bit.ly/2Y4DwTh

    Já para as mulheres que também passam pela falta de libido leia mais as dicas https://bit.ly/2Yu41Sk

    ResponderExcluir

Postar um comentário