Mais de 50 prefeitos são reeleitos em Mato Grosso

Foto: Google Maps/Reprodução

Dos 88 prefeitos que tentaram a reeleição nos municípios de Mato Grosso, 54 saíram vitoriosos no pleito. O levantamento foi feito pela Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM) e divulgado nesta segunda-feira (16).

Dos reeleitos, 15 são mulheres e 10 são ex-prefeitos. Os dados são baseados em informações divulgadas pelo Tribunal Superior Eleitoral(TSE), após o primeiro turno das eleições realizadas nesse domingo (15).

Entre as prefeitas eleitas, algumas tiveram votação expressiva, com destaque para Carmem Martines, reeleita em Carlinda, com 90,16% dos votos válidos e Marilza de Oliveira, reeleita em Nova Brasilândia com 73,63% dos votos.

Já entre os prefeitos, Leonardo Bortolin, de Primavera do Leste, obteve 89,04%.

Candidatura única

Nos municípios que tiveram candidatura única, os prefeitos de Porto Alegre do Norte, Daniel do Lago, Marcelândia, Celso Luiz Padovani, Ponte Branca, Clenei Parreira da Silva e de União do Sul, Claudiomiro Jacinto de Queiroz, tiveram 100% dos votos válidos nesta eleição.

Dos ex-prefeitos que retornarão ao cargo em 2021, Nelson Orlato, de Pedra Preta, já foi prefeito do município na década de 1980.

O levantamento realizado pela AMM demonstra, ainda, o mapa dos partidos eleitos para comandar as prefeituras a partir de 2021.

Partidos políticos

O DEM foi a sigla que mais elegeu prefeitos em Mato Grosso, somando 25 gestores, seguido pelo MDB, com 22.

Na sequência aparecem PSB (13), PSDB (11), PSD (10), PP (9). PDT, PL e Solidariedade somam oito prefeitos cada um.

Republicanos (5), Podemos (5), Patriota (4) e PSL (4), PTB (2) e PSC (2), PT (1), PRTB (1), PROS (1) e Cidadania (1).

FONTE: G1 MT