Menina de 14 anos é apreendida por ordenar morte do tio de 19 em 'salve'

PJC

Menina de 14 anos, apontada como integrante de uma facção criminosa e procurada pela Justiça foi localizada e apreendida pela Polícia Civil, em ação da Delegacia Especializada do Adolescente (DEA) de Várzea Grande. Ela é responsável pela morte do tio, jovem de 19 anos. 

A menor estava com o mandado de busca e apreensão decretado pela Vara da Infância e Juventude da Comarca de Várzea Grande, por ato infracional análogo ao crime de homicídio qualificado por motivo torpe, emprego de meio cruel e recurso que impossibilitou a defesa da vítima.

Conforme o delegado em substituição legal da DEA-VG, Afonso Monteiro da Silva Junior, a vítima Matheus Augusto da Silva Correa era tio materno da adolecente e morreu depois de ser submetido ao ato conhecido como "salve", cometido pelos comparsas da menor e na presença dela. 

As investigações apontaram que o crime foi praticado por vingança. Durante as agressões, a vítima pedia ajuda e socorro para a sobrinha, porém ela a todo momento respondia que "não estava nem aí". Depois de ser submetida a intenso sofrimento físico, a vítima não resistiu aos ferimentos e morreu em decorrência das agressões. 

Com a ordem judicial de busca e apreensão decretada contra a adolescente, os policiais civis da DEA-VG conseguiram localizar a menor no bairro Parque do Lago. Após a sua apreensão, a infratora  foi encaminhada à unidade do Pomeri, para cumprimento da medida sócio educativa. 

FONTE: GAZETA DIGITAL