Câmara de Cuiabá aumenta VI de vereadores de R$ 9 mil para R$ 18,9 mil

REPRODUÇÃO

Com 16 votos, a Câmara de Cuiabá aprovou o aumento da verba indenizatória (VI) para a próxima legislatura. A partir de 2021, os novos parlamentares vão receber R$ 18,9 mil.  A aprovação ocorreu nesta quinta-feira dia 24, véspera de Natal, durante sessão virtual. O valor da VI atualmente é R$ 9 mil.

Apenas 5 vereadores votaram contra, são eles Dilemario Alencar (Podemos), Abílio Júnior (Podemos) e Felipe Wellaton (Cidadania), Toninho de Souza (PSDB) e Diego Guimarães (Cidadania).

Durante a votação, o parlamentar Chico 2000 (PL) afirmou que os vereadores de oposição votaram contra, porém durante os 4 anos de mandato se beneficiaram da verba. "Votaram contra porque não estarão mais nessa casa, mas quando estavam aqui não abriram mão da verba indenizatória", disparou.

O vereador ainda disse que a Lei da VI foi redigida por Diego Guimarães (Cidadania), e que é uma hipocrisia do político votar contra.

"Diego Guimarães que redigiu a Lei da VI que está sendo votada hoje, aqui nos bastidores é um, na mídia é outro. Vereador, o senhor não precisa disso, eu já lhe disse isso", criticou.

GAZETA DIGITAL

0/Faça seu comentário