Espera para reconstrução de ponte queimada em Rosário Oeste será de 18 meses

REPRODUÇÃO

Vândalos queimaram a ponte de madeira na MT-244, que liga as cidades de Rosário do Oeste a Nobres. A estrutura estava com algumas tábuas comprometidas e, agora, terá que ser reconstruída. Um processo que deverá durar mais de 18 meses entre licitação, projeto e execução.

A travessia atendia várias comunidades e, sem ela, os moradores terão que desviar pela BR-163, o que representará um gasto extra com tempo e dinheiro de combustível.

O secretário de Estado de Infraestrutura, Marcelo Oliveira, explica que o orçamento do governo está fechado para este ano. Então, será preciso esperar a reabertura no próximo ano para iniciar os ritos exigidos pelo poder público.

Outra questão apontada por Oliveira são os valores da construção em relação a reforma, que ainda não foram orçados, contudo terão diferenças exponenciais.

Também está no rol de novos obstáculos para a conclusão da obra o período chuvoso, que já se iniciou e prejudicará o andamento da obra, bem como a execução de algumas etapas como o encabeçamento da ponte.

A Secretaria de Estado de Infraestrutura informou ainda que acionou a polícia para tentar identificar e punir os criminosos.


FONTE: O LIVRE