Grupo invade fazenda, amarra funcionários e rouba 82 bois

REPRODUÇÃO

Bandidos invadiram uma fazenda e fizeram funcionários reféns na tarde de terça-feira (05) em Nossa Senhora do Livramento (38 quilômetros de Cuiabá). 

De acordo com boletim de ocorrência, dois bandidos chegaram em uma moto preta, sem máscaras ou artifício que dificultasse a identificação.  

Uma das vítimas relatou aos policiais que os ladrões perguntaram pelo seu marido, caseiro do local, e o chamaram pelo nome.

A mulher respondeu que o marido estaria cortando lenha. Foi nesse momento que os homens sacaram as armas e, só então, anunciaram o assalto e amarraram todos os presentes dentro da casa. 

Logo em seguida, mais uma moto com dois homens, dessa vez encapuzados, chegaram. Houve, segundo os relatos, a chegada de um quinto integrante, também encapuzado. 

Todos os suspeitos estavam armados com pistola. 

Quando o caseiro chegou ao local, foi apreendido com o grupo. 

Já na madrugada de quarta-feira (06), os funcionários foram obrigados a embarcar 82 cabeças de gado, em dois caminhões. Os ladrões fuga pela manhã, por volta das 9h. 

Além do gado, os ladrões levaram ainda três celulares, 30 litros de gasolina, R$ 189.

Um dos suspeitos que foi identificado ainda levou o cartão do caseiro e fez saques e compras, no valor total de R$ 2.609.

De acordo com os relatos, dois dos suspeitos foram reconhecidos. Foi apontado que seriam moradores de Poconé (102 quilômetros de Cuiabá). 

Foi apreendido um dos acusados que havia sido reconhecido - o motorista de um dos caminhões. Ele confessou o crime e informou o local onde descarregaram as cabeças de gado. 

O gado foi encontrado em uma chácara, mas ainda permanece no local aos cuidados do tio do proprietário da fazenda roubada.

MÍDIA NEWS