Jaime Binsfeld é confirmado presidente e quer reestruturação do Luverdense

foto: assessoria

O Luverdense Esporte Clube confirmou, hoje, que Jaime Binsfeld é o novo presidente. Ele assume no lugar de Guilherme Lawisch, que renunciou. “Queremos fazer um trabalho de buscar trazer as pessoas junto ao clube, resgatar aquele sentimento que a gente teve em Lucas do Rio Verde por muito tempo, das pessoas terem orgulho, satisfação em dizer que o time é daqui”, disse Jaime.

Ainda de acordo com o novo presidente, a diretoria já tem ideias para reconquistar o torcedor, e a restruturação tem que ser feita “tijolinho por tijolinho”. “É difícil recomeçar depois de ter ficado muito próximo do auge, mas somos sabedores do que precisamos fazer”. “Vamos usar 2021 para voltar a agregar, fazer as coisas necessárias para que depois a gente pense num planejamento maior em 2022”, destacou.

Segundo Binsfeld “não adianta a gente pensar em voltar a participar de uma Série D, por exemplo, sem antes ter essa base, estrutura necessária e criar esse fortalecimento que precisamos para fazer que o Luverdense volte a ter o destaque que já teve em outros momentos”, acrescentou.

Em seu primeiro dia a frente do clube, o novo presidente ainda lembrou do difícil ano de 2020. “O Luverdense esteve muito próximo de encerrar as atividades e nos 45 do segundo tempo o Helmute conseguiu criar uma alternativa para que a gente tivesse um time para jogar as quartas de final contra o Cuiabá e foi feita aquela façanha de eliminar, chegando a 3º colocado no Estadual e garantindo vaga na Copa do Brasil. Agora vamos reestruturar”, completou.

Conforme Só Notícias já informou, esta temporada o Luverdense disputará Copa Verde, Campeonato Mato-grossense e Copa do Brasil. Os trabalhos foram retomados no último domingo e, atualmente, 23 jogadores já integram o grupo, que será comandado pelo técnico Eduardo Henrique.

Só Notícias/Luan Cordeiro e Altair Anderli, de Lucas do Rio Verde