PM e Sema descobrem extração ilegal de madeira e cinco homens são detidos

Foto por: PMMT

Equipes do 1º Pelotão de Força Tática em Itaúba (a 600 km de Cuiabá) encaminharam à delegacia nesta quarta-feira, cinco homens por crime ambiental. Uma mulher foi identificada. 

Os policiais foram acionados para dar apoio aos agentes da Secretaria de Estado de Meio Ambiente devido uma denúncia de desmatamento ilegal em uma fazenda, localizada no KM 40.

No local, a informação foi confirmada e foram encontradas na mata uma pá carregadeira, um trator e uma motosserra. Dois homens manuseavam os veículos e o corte das árvores. Eles alegaram serem funcionário do proprietário das máquinas.  O valor pago seria de acordo com a madeira extraída da área.

Os homens disseram que o chefe estaria em uma caminhonete F250 cinza e teria o hábito de passar no local logo cego, porém ainda não teria chegado.

Durante o procedimento, o suspeito apontado passou pelo local e foi parado. Ele estava na companhia de mais dois homens também envolvidos no crime ambiental.

O denunciado confirmou ser dono das máquinas e contou sobre o ‘esquema’ de furto de madeiras na propriedade. Ele apontou uma mulher como dona da fazenda que receberia R$ 500 por cada caminhão de madeira que sai do local. Em média sai por semana da área de três a quatro cargas de madeira. Disse que o destino da madeira é a cidade de Itaúba, uma madeireira localizada próxima do cemitério municipal.

Maricelle Lima Vieira | PMMT


0/Faça seu comentário