Chapa única liderada por Russi disputará eleição da AL nesta terça-feira

JLSiqueira/AL-MT

Eleição que definirá a nova Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) será realizada nesta terça-feira (22), às 19h, de forma presencial. Na disputa, somente uma chapa deverá concorrer ao pleito, com o deputado estadual Max Russi (PSB) na presidência.

A reportagem apurou que a chapa encabeçada por Russi terá o deputado Wilson Santos (PSDB) como segundo vice-presidente, Eduardo Botelho (DEM) como primeiro secretário e o Delegado Claudinei como terceiro secretário. Tanto a primeira vice-presidência quanto a segunda e quarta secretaria seguem sem nomes definidos.

Conforme divulgado pela reportagem, a nova eleição foi convocada após decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes, que suspendeu a validade do pleito anterior, que havia reconduzido Botelho à presidência da ALMT.

Além de Botelho, não podem concorrer na chapa para mesma função a deputada Janaina Riva (MDB), que ocupa a 1ª vice-presidência, e os deputados Valdir Barranco (PT), 2º secretário, e Paulo Araújo (PP), 4º secretário.

"Determino, ainda, a realização subsequente e imediata de nova eleição para a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Estado do Mato Grosso, biênio 2021/2022, vedada a posse de parlamentares que compuseram a Mesa nos biênios 2017/2018 e 2019/2020, nos mesmos cargos", determinou o ministro.

Além da chapa liderada por Russi, o deputado Silvio Fávero (PSL) também demonstrou interesse em disputar a Mesa Diretora. Contudo, até o momento, não apresentou nenhum outro nome para compor oposição a Russi. 

GAZETA DIGITAL

0/Faça seu comentário