Durante surto, pai dá 4 facadas no filho e corta dutos de gás em prédio

Wesley Santiago/Olhar Direto

Homem de 33 anos levou 4 golpes de canivete e machadinha, desferidos pelo pai, de 53 anos, que estava em surto, na noite de quarta-feira (17), em um condomínio localizado na avenida Dr. Hélio Ribeiro, próximo do Parque das Águas, em Cuiabá. Além de atentar contra a vida do filho, o homem cortou vários dutos de gás do prédio, causando grande risco de explosão. Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Batalhão de Operações Especiais (Bope) atuaram na ocorrência.

Conforme apurado pela reportagem do , polícia foi acionada por volta das 20h para atender uma tentativa de homicídio no edifício Portal de Cuiabá. Segundo as testemunhas, o caso estava acontecendo no 4º andar, onde foi constatada a necessidade de um atendimento rápido, já que uma das vítimas estava esfaqueada.

Mas, quando chegaram, foram informados que a vítima já havia sido socorrida por familiares e amigos. O homem foi encaminhado para o Hospital São Matheus, onde recebeu os primeiros atendimentos. Aos policiais, a equipe médica informou que ele estava com 4 cortes, sendo 3 nas pernas e um no abdômen. Ele precisou passar por cirurgia.

No apartamento do suspeito forte cheiro de gás tomava conta do andar, foi quando os policiais descobriram que ele tinha cortado vários dutos de gás. Foi determinado que os vizinhos deixassem suas unidades em consequência do vazamento, evitando assim qualquer possibilidade de explosão. O registro de gás geral do condomínio foi fechado e Corpo de Bombeiros acionado.

Equipe do Bope foi acionada para o trabalho e realizou a imobilização tática do suspeito. Ele recebeu voz de prisão, mas antes, foi encaminhado pela equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para uma unidade médica, onde ficará internado por alguns dias. 

No apartamento, os policiais apreenderam um canivete de ferro que estava sujo de sangue, além de uma machadinha de ferro com cabo de madeira, objetos usados para ferir o filho. O caso está sendo conduzido pela Polícia Civil. As Imagens foram registradas pelo repórter Wesley Santiago, do site Olhar Direto.

GAZETA DIGITAL

0/Faça seu comentário