Abril tem início com 91 mortes por covid e superlotação de hospitais em MT

João Vieira

Mato Grosso notificou 91 mortes pela covid-19, como aponta o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) emitido nesta quinta-feira (01). Dados do balanço dão conta que a taxa de ocupação de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) segue alta em todo estado.

Conforme a atualização da pasta, Mato Grosso passou a contabilizar 7.766 mortes e mais de 312,6 mil contágios pela doença. Do total de casos notificados, em cerca de 286,8 mil ocorrências as pessoas infectadas se recuperaram da doença.

Hoje, cerca de 97% das UTIs do estado estão em uso. Além disso, 60% dos leitos de enfermarias também estão ocupados, demonstrando o colapsado do sistema de saúde público.

Cuiabá, Rondonópolis e Várzea Grande são as cidades de Mato Grosso com maior registro de casos. Porém, municípios como Tangará da Serra, Lucas do Rio Verde, Primavera do Leste, Sorriso e Sinop também têm números elevados de contágios.

De acordo com o Ministério da Saúde, o Brasil notificou até a tarde de quarta-feira (31) mais de 12,7 milhões de contágios, dos quais em 321,5 mil casos as vítimas não resistiram e morreram por conta de complicações da doença.

GAZETA DIGITAL

0/Faça seu comentário