30°

Pancada de chuva

Rosário Oeste - MT

Polícia CUIABÁ X SÃO PAULO

Mendes sanciona lei e Arena poderá receber até 20 mil torcedores

Partida pelo Campeonato Brasileiro acontece na próxima segunda-feira à noite na Capital

08/10/2021 às 14h25
Por: Redação Fonte: MÍDIA NEWS
Compartilhe:
Folhapress
Folhapress

O governador Mauro Mendes (DEM) sancionou nesta sexta-feira (8) o projeto de lei aprovado na Assembleia elevando capacidade de público nos jogos do Campeonato Brasileiro em Cuiabá.

A informação foi dada pelo próprio governador durante uma solenidade e entrega de maquinário para a agricultura familiar.

“Sim, será sancionado hoje, valendo para o jogo de segunda-feira (11)”, limitou-se a dizer o chefe do Executivo quando questionado por jornalistas sobre o tema.

O jogo de segunda-feira vai opor o Cuiabá e o São Paulo.

Em razão da pandemia da Covid, a presença de público nos estádios de Mato Grosso está restrita a 35% da capacidade. Com a nova lei, o número sobe para 50% já neste mês.

Assim, a Arena Pantanal estará apta a receber, nesta segunda, um público de até 20,5 mil torcedores, uma vez que a capacidade máxima é de 41 mil.

A partir novembro o montante sobe para 75%. Em janeiro do próximo ano, a Arena Pantanal poderá ter lotação completa.

Testes para não imunizados

A lei, sancionada, ainda acolhe um pedido do clube Cuiabá quanto a aceitar o teste do tipo antígeno para pessoas não vacinadas ou que não completaram o processo de imunização (quando a pessoa não tomou as duas doses).

A legislação anterior dizia que quem não estava imunizado completamente contra a Covid-19 teria que apresentar um teste do tipo PCR, que tem um custo mais alto ao consumidor.

A medida foi adotada, porque o teste antígeno é mais barato e possibilita acesso a maior quantidade de público.

Aos torcedores que já completaram o ciclo de imunização, basta apenas apresentar a carterinha de vacina.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias