24°

Poucas nuvens

Rosário Oeste - MT

Política PROJETO DE LEI

Deputado quer assentar 159 famílias “sem teto” em área ocupada às margens da MT-010

“São famílias que não têm onde morar, a maioria no subemprego ou desempregada”, declarou Wilson

06/01/2022 às 08h44
Por: Redação Fonte: VG Notícias
Compartilhe:
REPRODUÇÃO
REPRODUÇÃO

O deputado estadual Wilson Santos (PSDB) apresentou nesta terça-feira (04.01), um projeto de lei que autoriza o Governo do Estado a desapropriar uma área de 9 hectares em Cuiabá para assentar 159 famílias. O terreno fica no bairro Altos do Ubirajara, entre a Rodovia Helder Cândia (MT-010), a popular Estrada da Guia, e o Córrego do Ribeirão da Ponte. O terreno foi ocupado ainda em 2020.

“São famílias que não têm onde morar, a maioria no subemprego ou desempregada. Queremos que seja dada a está área sua função social, como manda a Constituição, indenizando, é claro, o proprietário da área”, explicou o deputado.

De acordo com o projeto o assentamento vai dinamizar “a economia da região tornando justa a distribuição de terras, objetivo maior de toda a reforma em curso em nosso país”.

Leia também: “Avisamos que se entrassem em greve íamos começar do zero”, diz governador sobre reunião com policiais penais

“É pertinente todo e qualquer esforço para assentar essas famílias, dando condições dignas de trabalho, existência e condições de contribuir com os números positivos de nossa economia, gerando renda e dignidade aos cidadãos”, diz trecho do projeto.

“Queremos que o Governo do Estado transforme a área num assentamento urbano onde sejam assentadas exatamente as 159 famílias que lá estão. Que ofereça a elas todas as condições necessárias a vida com dignidade. Sabemos que não vai ser fácil, a caminhada é longa, mas foi dado o primeiro passo”, explicou o deputado.

“Para o cumprimento do disposto nos Artigos 1º, ficam priorizadas as famílias já instaladas no local até a data da publicação da presente lei”.

O projeto foi lido nesta terça-feira (4.1), em sessão extraordinária da Assembleia Legislativa, e segue para primeira votação.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias